21 novembro 2006

Muitas coisas para escrever, algumas fotos para postar, e a porra do meu telefone que morreu mais ou menos e não faz mais o sincronismo, então eu estou perdido.
Enfim, perdido, mal pago, mas muito feliz por ter certeza de que a esperança é realmente a única que morre depois da gente.

Nenhum comentário: