03 junho 2011

NÂO VOTO MAIS

Aprendi há tempos na escola que todo mundo tem direitos e deveres.
E aprendi também que uma das melhores maneiras de se tratar quem não merece seu respeito é com desprezo.
Logo, toda essa corja política infame, ridícula, gananciosa, escrota, que nos trata como pingentes humanos no expresso da vida, que só se preocupa conosco na época das eleições, que nunca tem pressa para se explicar quando errados, que não quer nem saber das mazelas nossas, que não se importa ocm o futuro de nada, nem do país e nem das pessoas, apenas com o seu próprio futuro ou com quanto vão ganhar com a próxima emenda, ou com o próximo acerto...... ou como vão influenciar e se engendrar nos próximos esquemas.... enfim, CAGUEI.

5 kilos de bosta para essa cambada de filhos da puta [e mil desculpas pelo palavreado].

E digo que até o meu desprezo já ficou pouco, então vou me mobilizar e nas próximas eleições levarei meus filhos para a cabine de votação e direi em voz alta como se proferindo uma grande lição:

QUERO O DIREITO DE VOTAR, NÃO A OBRIGAÇÃO.

Nenhum comentário: